TwitterYou Tube Facebook
Aumentar tamanho das letras Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Versão para impressão


Notícias

24/07/2019

Mulher é discriminada no mercado de trabalho

 

O mercado de trabalho é implacável com a mulher. Embora estudem mais, 22% das profissionais têm o nível superior completo contra 18,4% dos homens, elas são minoria nos cargos de direção das empresas e também ganham menos. 


A renda média de um trabalhador adulto do sexo masculino é 26% maior do que a de uma mulher na mesma faixa etária. No ano passado, o salário médio delas foi de R$ 2.050,00. Já o dos homens chegou a R$ 2.579,00, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 


As desigualdades persistem até em profissões em que elas são maioria e trabalham o mesmo número de horas do que os homens. É o caso do sistema financeiro. O rendimento das bancárias é 22,3% do salário médio dos homens, aponta dados do Dieese (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos).   


A diferença é tão grande que a equiparação salarial no setor deve levar 66 anos, maior do que a média nacional, de 42 anos. Não é só isso. A participação das mulheres no alto escalão dos bancos é muito pequena, cerca de 88% dos cargos são ocupados por homens.


A desigualdade salarial também gera impacto negativo na economia brasileira. Para se ter ideia, entre 2007 e 2014, cada 10% de aumento na diferença salarial reduziu em 1,5% a expansão do PIB per capita dos municípios do país.


Valorização da diversidade
Justamente para combater a discriminação no setor e promover ações inclusivas no ambiente de trabalho, o Comando Nacional dos Bancários realiza a campanha de Valorização da Diversidade. Até outubro, a categoria deve responder a questionários sobre o tema. O resultado deve ser divulgado no início de 2020. A iniciativa tem a parceria da Fenaban (Federação Nacional dos Bancos).

Com informações de bancariosbahia.org.br

Última atualização: 24/07/2019 às 12:49:53
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Comente esta notícia

Nome:
Nome é necessário.
E-mail:
E-mail é necessário.E-mail inválido.
Comentário:
Comentário é necessário.Máximo de 500 caracteres.
código captcha
Código necessário.

Comentários

Seja o primeiro a comentar.
Basta preencher o formulário acima.

   (85)  3455-7100 / 3455-7124 falecom@sindcomerciarios.org.br
  Copyright © 1933-2019 - Todos os direitos reservados www.igenio.com.br