CONTRIBUIÇÃO NEGOCIAL 2024: ENTENDA OS MOTIVOS PARA VOCÊ APOIAR O SEU SINDICATO

117

A contribuição negocial financia a luta por reajuste salarial, por melhores condições de trabalho e de vida para os comerciários

A Contribuição Negocial 2024, valor financeiro autorizado por meio legal, e recolhida em benefício do Sindicato dos Comerciários de Fortaleza e Região, é paga UMA ÚNICA VEZ NO ANO.

O desconto acontece na folha de pagamento de janeiro.

Não é um valor grande diante do tamanho do benefício que ele trará para você e para os demais trabalhadores (as) do comércio.

Os trabalhadores de empresas com até 10 empregados contribuem apenas com R$ 50,00 e os trabalhadores de empresas com mais de 10 empregados contribuem somente com R$ 55,00.

Este dinheiro não some! Ele financia a luta dos trabalhadores através de seu sindicato com:

– Assessoria jurídica, advogados e consultores técnicos para negociações coletivas

– Fiscalização de denúncias, manifestações com estrutura na defesa dos trabalhadores do comércio;

– Estrutura da sede do sindicato com clínica médica e curso profissionalizante;

– Assessoria de comunicação, jornal e informativos;

– Festa para a categoria, campeonato de futebol e premiações para os trabalhadores;

– Pousada da prainha (Aquiraz) e Clube de lazer são somente alguns exemplos, de como esse dinheiro retorna para a categoria.

Como proceder?

Quem deseja contribuir com a entidade que luta todos os dias para que TODA CATEGORIA, tenha direito a salários melhores e condições dignas de trabalho, deve aceitar o desconto em folha em seu local de trabalho.

Mas, o trabalhador que for contra a contribuição negocial, pode entregar a carta escrita de próprio punho na sede do Sindicato dos Comerciários, Rua Tristão Gonçalves, 993, Centro.

A entrega deve acontecer no período de 07 a 13 de janeiro.

A entrega da recusa é uma forma de impedir, como acontece em alguns locais, uma pressão dos patrões para os trabalhadores serem forçados a enfraquecer suas entidades sindicais e, desta forma, renunciarem a conquista de direitos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here